Como é o Chat, serviço de mensagens do Google que substituirá o SMS nos celulares Android

Como é o Chat, serviço de mensagens do Google que substituirá o SMS nos celulares Android

BBC

 

O Google acaba de lançar um novo serviço desenvolvido para substituir as mensagens de SMS nos telefones com o sistema operacional Android.

Batizado de Chat, ele permitirá não apenas o envio de textos, mas também vídeos, e contará com indicativos de confirmação de leitura – que não estão disponíveis no SMS (sigla para “short message service”, ou serviço de mensagens curtas, em tradução literal).

Da mesma forma que a Apple fez com o iMessage nos celulares iPhone, ele estará integrado nos Android. As mensagens não serão, contudo, criptografadas – recurso disponível no serviço da Apple.

O fornecimento do serviço dependerá das operadoras de celular.

O SMS começou a ser implementado em larga escala na década de 1990 e permite que os celulares troquem mensagens de texto de até 160 caracteres.

Já os aplicativos de mensagens mais modernos oferecem funções bem mais avançadas. Permitem a troca de mensagens via internet, por exemplo, em lugar de usar unicamente a rede móvel, como no caso dos SMS.

Antes do Chat, o Google tentou várias vezes lançar sua própria plataforma de mensagens, mas falhou na hora de atrair a atenção do grande público. A última delas, a Allo, está sendo “pausada”, segundo anunciou a empresa na última quinta-feira.

 

Os rivais

 

chat

 

Além da Apple, o Google tem outros rivais em plataformas de mensagens, como o Facebook Messenger e o WhatsApp, que oferecem, além do envio de mensagens e da realização de chamadas multimídia, indicadores de quando o interlocutor está escrevendo.

Desta vez, em vez de apostar no lançamento de outro aplicativo de mensagens, o Google tem trabalhado em uma plataforma integrada no Android.

Os operadores de celular, os fabricantes de telefones e os desenvolvedores de aplicativos poderão usar a nova tecnologia para criar sistemas de mensagens compatíveis com ela.

O Chat usa um padrão de comunicação chamado RCS (Rich Communications Services, serviços de comunicação enriquecidos, em tradução livre), que vem substituindo o SMS e permite que as trocas de mensagens ganhem mais recursos, como áudios, imagens e vídeos.

A GSMA, associação que reúne centenas de operadoras de telefonia móvel e nasceu em meados dos anos 1990, durante a implementação da tecnologia GMS (que antecedeu a conexão 3G e 4G), passou anos trabalhando na renovação dos SMS e na implementação do RCS.

Sob essa perspectiva, Anil Sabharwal, diretor de produtos no Google, afirmou, em entrevista para o site de notícias de tecnologia The Verge, que o “RCS continua sendo um serviço de propriedade de uma operadora”, o que faz com as mensagens possam ser legalmente interceptadas.

Para desenvolver o Chat, o Google se associou a mais de 50 redes de telefonia móvel, como Vodafone, T-Mobile e Verizon, além de uma dezena de fabricantes, como Samsung, LG e Huawei.

 

Compatibilidade

 

chat

 

O serviço estará disponível apenas para as trocas de mensagens entre usuários de Android.

Se o destinatário não tiver dispositivo Android, as mensagens serão enviadas pelo velho sistema de SMS.

O Google afirmou que o Chat não é um novo aplicativo da empresa. Como usa o padrão de comunicação RCS, depende das redes móveis e dos fabricantes para funcionar.

 

chat

 

E dado que as mensagens são enviadas pela internet, não esgotam a cota de mensagens do cliente. Porém, as operadoras de celular poderiam, em teoria, cobrar tarifas adicionais dos clientes para usar o Chat.

Empresas como a Sprint, gigante americana de telefonia móvel, já ativou o Chat em seus dispositivos.

A Microsoft é uma das empresas que apoiou o desenvolvimento do RCS, mas não confirmou se vai integrar a função ao Windows 10. Já a Samsung vai integrar a tecnologia RCS em seu próprio software.

 

chat

 

A Apple, a grande rival do Google, não participou do desenvolvimento do projeto.

O Google disse que espera que a funcionalidade esteja implementada por completo em todos os celulares Android em um prazo máximo de dois anos.

Segundo anunciado no final do ano passado, o Chat chegará ao mercado latinoamericano com as operadoras América Móvil, Telefónica, Oi e AT&T.

 

 

Google Lens está chegando ao Google Photos no Android e iOS

Google Lens está chegando ao Google Photos no Android e iOS

photos

 

Após um período de exclusividade no Pixel, o Google anunciou que o Google Lens será lançado para qualquer dispositivo com Google Photos, tanto em dispositivos Android quanto iOS.

De acordo com o buscador, a liberação irá ocorrer nas próximas semanas e deve chegar aos aparelhos configurados com o idioma em inglês nesta primeira fase.

Alguns aparelhos, com suporte completo do Google, também devem receber a experiência pesquisa por meio da câmera que poderá ser ativada usando o Google Assistant.

Veja as principais funções do Google Lens:

  • Texto: guarde informações de cartões de visita, siga URLs, ligue para números de telefone e navegue até endereços.
  • Marcos: Explore uma nova cidade como um profissional com seu Assistente para ajudá-lo a reconhecer marcos históricos e aprender sobre seu histórico.
  • Arte, livros e filmes: aprenda mais sobre um filme, do trailer para comentários, diretamente do autor. Procure um livro para ver a classificação e uma breve sinopse.
  • Torne-se um guru de museu rapidamente procurando informações de um artista e muito mais. Você pode até adicionar eventos, como a data de lançamento do filme ou a abertura da galeria, para o seu calendário diretamente da Google Lens.
  • Códigos de barras: procure rapidamente produtos por código de barras ou escaneie os códigos QR, tudo com o seu Assistente.

 

 

 

As novidades do Android P, o sucessor do Android Oreo

As novidades do Android P, o sucessor do Android Oreo

Google

 

O Google anunciou esta semana a primeira prévia do Android P que conta com algumas novidades que poderão ser testadas por desenvolvedores.

“Ao liberar a nova versão mais cedo, trabalhamos em conjunto com a comunidade Android para melhorias e também damos mais tempo para que eles possam preparar seus aplicativos para a chegada do Android P. Anunciaremos muitas outras novidades durante o Google I/O”.

Abaixo, algumas das novas funcionalidades do Android P:

 

Interface de usuário mais refinada e eficiente

 

No Android P, a interface de usuário está mais simples e refinada, incluindo a remoção de diálogos de falhas e notificações desnecessárias.

Há também mudanças no volume, configurações e outras áreas para maior compreensão e previsibilidade. Um ajudante de bloqueio irá filtrar notificações indesejadas com um único toque.

As notificações ganharam novas funções. A nova notificação MessagingStyle destaca quem enviou a mensagem e como você pode responder.

Você pode ver as conversas, anexar fotos e adesivos, e até mesmo usar uma das sugestões de respostas inteligentes, tudo isso direto das notificações.

 

 

 

Nas notificações MessagingStyle você pode ver conversas e smart replies [esquerda] e até mesmo anexar imagens e adesivos.

Além disso, o preview do Android P também traz:

  • Suporte para dispositivos de tela ponta-a-ponta com recortes no display, como visto em alguns modelos recentes:

 

 

Android

 

 

  • Mais performance e eficiência para todos os apps. Entre outras coisas, as novidades trarão um tempo de inicialização mais rápido para seus aplicativos e mais eficiência para a bateria;
  • Segurança: uma UI de autenticação de impressão digital mais consistente em apps e devices;
  • Privacidade: Para melhor garantir a privacidade, o Android P bloqueia acesso ao microfone, câmera a todos os sensores do SensorManager para aplicativos inativos.
Saiba como aproveitar o melhor da câmera do Galaxy Note8 para obter fotos incríveis

Saiba como aproveitar o melhor da câmera do Galaxy Note8 para obter fotos incríveis

Recurso de estabilização ótica da imagem e modo Foco Dinâmico são alguns dos diferenciais que permitem fotos cinematográficas

S8

Um dos grandes destaques do Galaxy Note8, o melhor smartphone multitarefa para quem busca conciliar diversas atividades, é a sua dual câmera, capaz de eternizar momentos com imagens ainda mais vivas. Para tirar fotos que se destacam, a Samsung preparou algumas dicas para explorar os inúmeros recursos que fazem do Galaxy Note8 o melhor companheiro para quem não perde um clique.

Fotos com qualidade profissional

S8Com a Dual Câmera do Galaxy Note8 até os mais inexperientes fotógrafos podem apresentar cliques com qualidade profissional. Um dos recursos que permitem esse resultado é o Foco Dinâmico. Com seu duplo sensor é possível selecionar o grau de desfoque do fundo da imagem, garantindo fotos mais profissionais sem que se perca tempo ajustando o  foco. Para tirar fotos impressionantes com essa funcionalidade, deve-se ativá-lo na hora de fazer a foto e ajustar o desfoque do fundo conforme for mais conveniente. Após o disparo, é possível editar a imagem, alterando a intensidade do desfoque ou retirá-lo por completo. Além disso, com a Captura Dupla, também é possível tirar, com um único clique, duas imagens com enquadramentos diferentes, para escolher entre um registro em close-up ou panorâmico.

Outro recurso exclusivo do Galaxy Note8 é o zoom ótico de duas vezes que não interfere na qualidade da imagem. Para acionar, basta tocar no ícone próximo ao botão de captura, indicado com o “2x”. Outra maneira de controlar o zoom é com o movimento de pinça na tela ou configurando o botão de volume para essa função, nas configurações da câmera.

O modelo possui ainda estabilizador de imagem ótica (OIS) em ambas as lentes – de grande angular e telefoto, que permitem capturar imagens ainda mais nítidas. Já o sensor Dual Pixel com Auto Foco rápido, possibilita tirar fotos mais claras mesmo em ambientes pouco iluminados.

Tenha a mão o seu modo de câmera favorito

S8O Galaxy Note8 conta com diversas funções personalizadas de acordo com o tipo de foto que a pessoa quer tirar. Entre os modos de câmera está o de alimentos, profissional – que permite alterar a sensibilidade ISO, tempo de exposição, balanço de branco, etc – panorama, entre outros. Para acessar rapidamente os recursos preferidos, é possível incluir um atalho na tela inicial de forma muito simples: basta acessar a aba modos, tocar no menu de três pontos na parte de cima da tela e adicionar os atalhos preferidos à tela inicial. Dessa forma, fica rápido e fácil acessar os tipos de imagem favoritos que se deseja fazer.

Garanta as selfies mais incríveis

S8

Para quem ama tirar uma selfie, seja sozinho ou com várias pessoas, encontrará no Galaxy Note8 uma série de diferenciais para a foto perfeita. Isso por que o smartphone possui diversas opções de disparo que garantem o clique sem imagens tremidas. É possível, por exemplo, habilitar o botão de captura flutuante, que pode ser posicionado onde a pessoa quiser, garantindo mais conveniência na hora da selfie. O Galaxy Note8 permite tirar fotos apenas com a palma da mão, por meio da função “Controle por gestos”, que pode ser ativada tocando no ícone “definições”, quando a câmera frontal estiver ativada. Também é possível efetuar o disparo ativando o sensor de frequência cardíaca na parte traseira do aparelho no momento que a reconhece o rosto da pessoa, ou ainda por comando de voz dizendo, por exemplo, “Capturar” ou “Disparar”.

Disponível na cor preta, o Galaxy Note8 está à venda nas lojas Samsung e principais redes varejistas do país em versões de 64GB, com preço sugerido de R$ 4.399,00 e 128 GB de memória, por R$ 4.799,00

Saiba mais sobre o aparelho: Galaxy Note8

Fonte: Assessoria de Imprensa

“Apps” de saúde põem em risco milhões de dados pessoais, segundo um estudo

“Apps” de saúde põem em risco milhões de dados pessoais, segundo um estudo

Fonte: Agência Efe

 

Os aplicativos de saúde para celulares põem em risco os dados pessoais de milhões de usuários, segundo um estudo europeu, que analisou em profundidade os 20 “apps” de saúde para Android mais utilizados.

O estudo, que começou em 2016, detectou que 80% dos aplicativos de saúde mais populares disponíveis para Android não cumprem com muitos dos padrões para evitar o uso e a divulgação de dados sensíveis dos usuários.

No trabalho participaram pesquisadores da Universidade Rovira i Virgili (Espanha) e da Universidade do Pireo (Grécia).

Segundo informou a URV, os pesquisadores selecionaram aplicativos que tinham de 100 mil a 10 milhões de downloads cada um e, para analisar seus funcionamentos, interceptaram, armazenaram e monitoraram os dados privados dos usuários, como problemas de saúde, doenças e agendas médicas.

Os especialistas analisaram as comunicações dos aplicativos, como armazenavam a informação ou que permissões requeriam para poder funcionar, assim como a maneira como administravam os dados.

Segundo a universidade espanhola, os resultados demonstraram que só 20% dos aplicativos armazenam os dados nos smartphones dos usuários, e um de cada dois solicitava e administrava as contra-senhas de início de sessão sem utilizar uma conexão segura.

Os pesquisadores também detectaram que 50% dos aplicativos compartilhavam com terceiros dados pessoais, tanto de texto como multimídia, como imagens de raios X, por exemplo.

Além disso, mais da metade transmitiram dados de saúde dos usuários através de ligações HTTP, o que acarreta, segundo a URV, que qualquer pessoa que tenha acesso possa dispor destes dados.

Dos aplicativos submetidos ao estudo, 20% não transmitiam ao usuário nenhuma política de privacidade ou o conteúdo não estava disponível em inglês, o idioma da aplicação.

Outros pediam acesso à geolocalização, microfones, câmera, lista de contatos, cartão de armazenamento externo e Bluetooth dos usuários, embora esses dados não faziam falta para o bom funcionamento do aplicativo.

Os pesquisadores comunicaram às empresas responsáveis pelos aplicativos todos os problemas de segurança detectados e passado um tempo, voltaram a avaliá-los com os mesmos parâmetros do estudo inicial.

Embora tenham detectado que algumas carências tinham sido resolvidas – como transferências de dados de saúde insegura e a possibilidade de identificar os usuários devido a transferências de dados inseguros a terceiros -, outros problemas, como o vazamento de dados de uso dos aplicativos, não tinham sido corrigidos.

Aplicativos que limpam memória e resfriam smartphones

Aplicativos que limpam memória e resfriam smartphones

Os aplicativos prometem limpar os arquivos que prejudicam a performance do aparelho e ainda ajudam a diminuir a temperatura, resfriando o processador.

 

Os smartphones são dispositivos próprios para baixarmos aplicativos, certo? Certo… agora, quantos aplicativos nós podemos deixar abertos ao mesmo tempo? Será que existe uma competição de recursos do aparelho? A resposta é sim!

Esses “aparelhinhos” possuem uma memória que é consumida conforme o uso. E acredite, ela é finita, ou seja, tem um limite considerado normal até que a performance do “nosso inseparável amigo” comece a ficar degradada.

Quando instalamos ou executamos aplicativos, vários arquivos temporários são armazenados na memória. É como ele mantivesse os arquivos “prontos” para o próximo uso para não usar recursos do aparelho. Porém esse artifício tem um “preço”: a performance do dispositivo diminui pois com isso mais memória é utilizada.

E a temperatura? Já viu quando o smartphone aquece simplesmente por estar com um app sendo executado? O Waze é um deles. Primeiro pela necessidade de manter a tela acesa o tempo inteiro e segundo pela própria característica do aplicativo (GPS). A alta temperatura prejudica também a bateria. Devido a sua composição química, a alta temperatura é uma grande vilã desse componente, sem ainda falar do risco de explosão.

Existem aplicativos que ajudam a limpar os arquivos temporários da memória além de resfriar o processador:

  • Clean Master;
  • Norton Clean;
  • Virus Cleaner (Hi Security) – Antivirus, Booster;
  • Otimizador de Memória;
  • Super Cooler;
  • Super Rapidez Limpador – Antivírus Accelerator;
  • AVG Cleaner: Limpador de Memória e Cache;
  • Refrigerador de CPU & Bateria;
  • Clean Master – Otimizador de RAM e Antivírus;
  • DFNDR Security: Antivírus, Acelerador & Limpeza.

App

Esses apps estão disponíveis para Android e iOS, ou seja, para uma grande variedade de smartphones.

Muitos prometem ajudar na performance e na diminuição da temperatura. Você tem algum desses instalado no seu smartphone? Deixe a sua opinião.